Últimos itens adicionados do Acervo: Serviço de Alojamento de Revistas Científicas

Serviço de Alojamento de Revistas Científicas do Repositório Científico de Acesso Aberto de Portugal

Página 17 dos resultados de 354 itens digitais encontrados em 0.002 segundos

‣ Métodos não invasivos de avaliação postural da escoliose: Uma revisão sistemática; Noninvasive assessment of postural scoliosis: A systematic review

Sedrez, Juliana Adami; Universidade Federal do Rio Grande do Sul; Candotti, Cláudia Tarragô; Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Fonte: Edições Desafio Singular Publicador: Edições Desafio Singular
Tipo: Revisão Formato: application/pdf
Publicado em 15/12/2013 Português
A escoliose é um desvio tridimensional da linha vertical da coluna vertebral, muitas vezes de difícil visualização e quantificação. Por isso, diversos estudos desenvolveram metodologias para a sua avaliação, mas ainda é incipiente uma discussão aprofundada, a fim de facilitar a escolha do método. O objetivo dessa revisão sistemática é verificar a existência de evidências científicas sobre os métodos alternativos para avaliação não invasiva da escoliose. Realizou-se uma busca sistemática nas bases de dados Scopus, Science Direct e PubMed, com as palavras-chave: Non-invasive Monitoring [OR] Assessing Postural Assessment [OR] Postural Evaluation [OR] Assessing Postural Evaluation Methods [AND] Scoliosis [OR] Spinal Curvatures [OR] Spinal Deformity [OR] Spine Curvatures. Adoptou-se os seguintes critérios de inclusão: abordar pacientes com escoliose e envolver avaliação postural não invasiva; e exclusão: não descrever o método de avaliação postural, abordar tratamento e não estar redigidos na língua inglesa. Foram encontrados inicialmente 200 artigos. Após leitura dos títulos e resumos, 8 artigos foram selecionados e 12 artigos foram incluídos a partir das referências bibliográficas, totalizando 20 artigos. Desses...

‣ Características motivacionais de atletas brasileiros; Motivational characteristics of Brazilian athletes

Coimbra, Danilo Reis; Faculdade de Educação Física e Desportos, Universidade Federal de Juiz de Fora, Minas Gerais; Gomes, Simone Salvador; Faculdade de Educação Física e Desportos, Universidade Federal de Juiz de Fora, Minas Gerais; Oliveira, Helde
Fonte: Edições Desafio Singular Publicador: Edições Desafio Singular
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: application/pdf
Publicado em 15/12/2013 Português
O objetivo do presente estudo foi verificar diferenças e semelhanças nas características motivacionais de atletas brasileiros com base na Teoria da Autodeterminação (Deci & Ryan, 1985), comparando desportistas de diferentes idades, modalidades coletivas e individuais, de ambos os sexos, em distintos níveis de rendimento. A amostra foi constituída por 344 atletas, com uma idade média de 24.3 ± 6.0 anos. A maioria era do sexo masculino (64.5%), de desportos coletivos (59.9%) e que competiam em nível nacional e internacional (64.1%). Aplicou-se o Sport Motivation Scale (SMS), validado em português (SMS-Br) para medir os níveis de motivação. Foram encontradas diferenças estatisticamente significativas nas dimensões Motivação Extrínseca de Introjeção, Motivação Extrínseca de Regulação Externa e Amotivação, na comparação feita por género. Também foram encontradas diferenças estatísticas nas dimensões Motivação Intrínseca para Conseguir e Motivação Extrínseca de Introjeção, ao comparar o tipo de desporto. Os resultados sugerem que atletas brasileiros possuem características motivacionais únicas ao serem comparados com atletas de diferentes países. ; The aim of this study was to determine differences and similarities in the motivational characteristics of Brazilian athletes based on Self-Determination Theory (Deci & Ryan...

‣ Avaliação das oportunidades de desenvolvimento motor na habitação familiar de crianças entre 18 e 42 meses; Assessment of opportunities for motor development in the family home of children between 18 and 42 months of age

Giordani, Letícia Gue; Unisinos; Almeida, Carla Skilhan; Universidade Federal do Rio Grande do Sul; Pacheco, Adriana More; Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Fonte: Edições Desafio Singular Publicador: Edições Desafio Singular
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: application/pdf
Publicado em 01/10/2013 Português
O trabalho teve o objetivo de avaliar as oportunidades para o desenvolvimento motor na habitação familiar de crianças entre 18 e 42 meses, comparando as faixas etárias (18 a 30 meses e 31 a 42 meses), os gêneros, o convívio com outras crianças e as condições socioeconômicas. Caracterizou-se como um estudo observacional, descritivo, do tipo transversal. Participaram do estudo 88 crianças da cidade de Sapucaia do Sul/RS. Foi utilizado o questionário Affordances in the Home Environment Motor Development em crianças de 18 - 42 meses, durante visita domiciliar. Não houve diferença entre o gênero e as faixas etárias. Verificou-se que o número de adultos estavam associados com melhor escore de espaço interior. A escolaridade dos pais associou-se com maior oferta de brinquedos e materiais de motricidade fina (p < .005). O número de crianças no domicílio estava associado com uma melhor variedade de estimulação (p < .001). A renda familiar estabeleceu relação significativa com o espaço interior (p < .005), espaço exterior (p < .001), materiais de motricidade fina (p < .005) e de motricidade ampla (p < .001). A criança que apresentou convívio social diário teve melhor variedade de estímulo (p < .001). Contudo...

‣ Revista Motricidade: Uma questão de compromisso com a ciência e a cultura lusófona; Journal Motricidade: A matter of commitment to the lusophone science and culture

Leite, Eduardo
Fonte: Edições Desafio Singular Publicador: Edições Desafio Singular
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: application/pdf
Publicado em 03/06/2014 Português

‣ Alterações na cinemática angular do movimento básico de Hidroginástica “Balanço Lateral” induzidas pelo incremento do ritmo musical

Teixeira, Genoveva; Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro; Costa, Mário J; Instituto Politécnico da Guarda, Portugal; Oliveira, Cristiana; Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro; Marinho, Daniel A; Universidade da Beira Interior; Silva, Ant
Fonte: Edições Desafio Singular Publicador: Edições Desafio Singular
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: application/pdf
Publicado em 18/08/2015 Português
O objetivo do presente estudo foi o de analisar a associação entre o ritmo musical e o padrão cinemático angular no movimento básico de Hidroginástica “Balanço Lateral”. A amostra foi constituída por seis instrutoras, com pelo menos um ano de experiência na orientação de programas de Hidroginástica. Foram registadas imagens de vídeo no plano frontal do exercício básico de Hidroginástica “Balanço Lateral”, recorrendo a um par de câmaras, proporcionando assim uma dupla projeção do movimento acima e abaixo do nível da água, em cinco ritmos incrementais (120 bpm, 135 bpm, 150 bpm, 165 bpm e 180 bpm). As imagens foram posteriormente digitalizadas e processadas num software específico (Ariel Performance Analysis Systems). Os resultados demonstraram que ocorreu uma diminuição do período do ciclo ao longo do protocolo incremental. O ângulo relativo entre a coxa e o tronco não apresentou relação significativa com o ritmo. Já o ângulo relativo entre a coxa e a perna e entre o braço e o antebraço diminuíram com o aumento do ritmo musical, embora neste último apenas visível para o membro esquerdo. Constata-se assim que existe uma tendência para a diminuição do deslocamento angular e manutenção da velocidade angular com o aumento do ritmo musical ainda que em pontos articulares isolados.

‣ Escala de Crenças Irracionais aplicadas a atletas brasileiros: Proposta de interpretação através do Modelo de Créditos Parciais

Peixoto, Evandro Morais; Pontifícia Universidade Católica de Campinas PUCC; Nakano, Tatiana Cássia; pont; Palma, Bartira Pereira; Escola de Educação Física e Esporte da Universidade de São Paulo (EEFEU-SP)
Fonte: Edições Desafio Singular Publicador: Edições Desafio Singular
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: application/pdf
Publicado em 30/04/2015 Português
Nesta pesquisa buscou-se evidências de validade e precisão, bem como normas de interpretação da ECI frente à população de atletas brasileiros. Participaram do estudo 205 atletas com idade entre 18 e 48 anos (média ± desvio padrão = 22.44 ± 5.25; 50.7% homens), representantes das seguintes modalidades esportivas: Futsal, Basquete, Vôlei, Rugby, Natação e Atletismo, categorias Adulta (73.7%) e Juvenil (26.3%). As respostas a ECI foram submetidos aos seguintes procedimentos estatísticos: Análise de Componentes Principais, Análise Paralela,  análise da consistência interna. Através do Modelo Rasch-Masters Partial Credit Model avaliou-se as propriedades dos itens, índices de dificuldade e ajuste (infit e outfit) e mapa de pessoas-itens. Resultados indicaram que escala avalia o construto Crenças Irracionais através de duas dimensões: passividade diante situações ou características que não podem ser modificadas; e capacidade de resolução de situações atuais e futuras, com índices de consistência interna condizentes com os indicados pela literatura 0.76 (n=10) e 0.66 (n= 18) respectivamente, 0.80 para escala total (n= 18). Em relação aos ajustes dos itens, todos se mostraram adequados (> 0.76 < 1.21 Infit) e (> 0.71 < 1.3 Outfit...

‣ The agreement between physical activity time reported by the IPAQ and accelerometer in postmenopausal women

Rosa, Clara Suemi Costa; Rossi, Fabrício Eduardo; Buonani, Camila; Fernandes, Rômulo Araújo; Monteiro, Henrique Luiz; Freitas Junior, Ismael Forte
Fonte: Edições Desafio Singular Publicador: Edições Desafio Singular
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: application/pdf
Publicado em 30/04/2015 Português
The objective of this study was to assess, in a sample composed by postmenopausal women, the agreement between physical activity time reported by short version of the IPAQ and measured by accelerometer in different intensities. The participants consisted of postmenopausal women aged ≥ 50 years (N = 60, mean age 61.5±7.5 years). They completed the IPAQ (short version) and then wore an accelerometer for one week. Statistical analysis was composed by the Kappa index, McNemar’s test, specificity and sensitivity, Spearman’s rank correlation and the Wilcoxon test. The amount of time spent in intense physical activity had weak correlation (r=-0.04-0.28) between Accelerometer and IPAQ. IPAQ overestimated the minutes spent in moderate and vigorous intensities and underestimated the time spent in light activities. There was not significant agreement between instruments (kappa index= 0.151±0.111; p= 0.185; sensibility, 46% and specificity, 28%). There was a significant inconsistence for the time of physical activity reported by IPAQ. 

‣ Análise do desempenho motor de escolares praticantes de futsal e voleibol; Analysis of motor performance of school practitioners of indoor soccer and volleyball

Drews, Ricardo; Escola Superior de Educação Física- Universidade Federal de Pelotas- BR; Cardozo, Priscila Lopes; Corazza, Sara Teresinha; Flôres, Fábio Saraiva
Fonte: Edições Desafio Singular Publicador: Edições Desafio Singular
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: application/pdf
Publicado em 01/10/2013 Português
O objetivo do presente estudo foi analisar o desempenho motor de escolares a partir da prática regular de futsal e voleibol. A amostra foi constituida por 60 indivíduos do sexo masculino, com idade média de 16 ± 0.4 anos, divididos em dois grupos: praticantes de futsal (GF) (n = 32) e praticantes de voleibol (GV) (n = 28). Os indivíduos analisados praticavam regularmente 2 aulas semanais de 60 minutos em suas respectivas modalidades esportivas, no período mínimo de 6 meses. Para avaliar as capacidades físico-motoras foram utilizados os protocolos de teste Shuttle Run ou Corrida do Vai-e-Vem de Johnson e Nelson (1979) para agilidade, software de Pereira, Teixeira, Villis, e Corazza (2009) para o tempo de reação simples e escolha, e o cinesiômetro (Paixão, 1981) e goniômetro (Hurley, Rees, & Newham, 1998) para propriocepção de membros superiores e inferiores respectivamente. Para a análise dos dados, fez-se uso da estatística inferencial, com o Teste t para amostras independentes, através do pacote estatístico SPSS versão 14.0, com nível de significância alfa de 5%. Os resultados não apresentaram diferença estatisticamente significativa entre os grupos em nenhuma capacidade físico-motora analisada.; The aim of this study was to analyze the motor performance of students from the regular practice of indoor soccer and volleyball. The study group consisted of 60 males...

‣ Reprodutibilidade do teste anaeróbio de Wingate em ciclistas; Reliability of the Wingate anaerobic test in cyclists

Madrid, Bibiano; Universidade Católica de Brasília, Brasil.; Pardono, Emerson; Universidade Federal de Sergipe, Brasil.; Farias, Darlan Lopes de; Universidade Católica de Brasília, Brasil.; Asano, Ricardo Yukio; Universidade Católica de Brasília, Br
Fonte: Edições Desafio Singular Publicador: Edições Desafio Singular
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: application/pdf
Publicado em 15/12/2013 Português
O objetivo do presente estudo foi verificar a reprodutibilidade de variáveis específicas do teste anaeróbio de Wingate e de alguns marcadores fisiológicos e percetuais associados ao teste em ciclistas treinados. Quinze ciclistas do sexo masculino realizaram três testes, com intervalo mínimo de 48 horas entre cada sessão, com carga correspondente a 0.087 vezes a massa corporal de cada voluntário. Foram mensuradas a potência pico, potência média, potência mínima, índice de fadiga, frequência cardíaca, perceção subjetiva de esforço e concentração de lactato. Foi verificada a normalidade dos dados, aplicada Anova One Way para medidas repetidas, com post-hoc de Tukey, foi utilizado o coeficiente de correlação intraclasse e a técnica de concordância de Bland-Altman. Não foram encontradas diferenças significativas na potência pico, índice de fadiga, concentração de lactato, frequência cardíaca e perceção subjetiva de esforço entre os testes. Destas, a potência pico, frequência cardíaca e perceção subjetiva de esforço apresentaram valores elevados e significativos de coeficiente de correlação intraclasse entre cada teste e entre os três testes (variando entre .797 e .975). Ainda, a potência pico apresentou boa concordância entre os testes através da técnica de Bland-Altman. Em suma...

‣ Desempenho anaeróbico e ACTN3 em crianças; Anaerobic performance and alpha-actinin-3 in children

Montenegro, Ramon Cunha; Federal Institute of Education, Science and Technology of Paraiba – IFPB; Paz, Carlos Renato; Federal Institute of Education, Science and Technology of Paraiba – IFPB; Montenegro Neto, Asdrúbal Nóbrega; Physical Evaluation L
Fonte: Edições Desafio Singular Publicador: Edições Desafio Singular
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: application/pdf
Publicado em 15/12/2013 Português
O presente estudo teve o objetivo de comparar o desempenho anaeróbico conforme as configurações genéticas RR, RX e XX da proteína ACNT3 em crianças. Utilizou-se uma metodologia descritiva e comparativa com uma amostra de 111 rapazes praticantes de futebol, com idades entre os 7 e 12 anos. A saliva serviu para extração do DNA e identificação do polimorfismo da ACTN3. Posteriormente realizou-se o teste de corrida de 40 metros para a medida da Potência muscular e o Índice de Fadiga. Com isso, foram estabelecidos os subgrupos: Grupo RR (n= 42); Grupo RX (n= 58); Grupo XX (n= 11). A distribuição normal dos dados foi identificada com o teste de Kolmogorov-Smirnov, sendo a comparação realizada por meio da ANOVA one-way com post hoc de Scheffé. Os valores dos tempos das corridas entre os três grupos foram semelhantes, não ocorrendo diferenças significativas. A maior média de Potência foi encontrada no grupo de configuração genética RR; contudo, não foram verificadas diferenças significativas na Potência muscular e no Índice de Fadiga. Assim, como não foram observadas diferenças significativas na capacidade anaeróbica entre os grupos, conclui-se que na infância não é possível identificar o desempenho para o alto rendimento...

‣ Análise da variabilidade da frequência cardíaca em indivíduos saudáveis, doentes com insuficiência cardíaca e doentes transplantados; Heart rate variability analysis in healthy subjects, patients suffering from congestive heart failure and heart transplanted patients

Leite, Argentina; Departamento de Matemática, Escola de Ciências e Tecnologia, Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro e CM-UTAD; Silva, Maria Eduarda; Faculdade de Economia, Universidade do Porto e CIDMA; Rocha, Ana Paula; Departamento de Matemát
Fonte: Edições Desafio Singular Publicador: Edições Desafio Singular
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: application/pdf
Publicado em 15/12/2013 Português
O objetivo deste estudo foi determinar parâmetros de caracterização da variabilidade da frequência cardíaca (VFC) em indivíduos saudáveis e doentes que permitam a sua discriminação. Os parâmetros usados descrevem as diferentes componentes de memória (curta e longa) da VFC e são calculados por métodos paramétricos e não paramétricos. Assim, foram consideradas as componentes espectrais das baixas frequências (LF) e altas frequências (HF) associadas à memória curta e o parâmetro de memória longa (d) obtidos por modelação autoregressiva de médias móveis integrados fracionariamente (ARFIMA). Analogamente, no contexto não paramétrico, foi utilizado o método detrended fluctuation analysis (DFA) no cálculo dos parâmetros de memória curta (α1) e longa (α2). A amostra foi constituída por 30 registos de 24 horas da base de dados Noltisalis: 10 indivíduos saudáveis, 10 doentes com insuficiência cardíaca e 10 doentes após transplante cardíaco. Observou-se que os parâmetros que caracterizam a memória curta apresentam valores mais elevados para o grupo dos indivíduos saudáveis, enquanto os parâmetros de memória longa têm valores mais elevados para os grupos dos doentes. Concluiu-se que a modelação ARFIMA permite discriminar os 3 grupos de dados em estudo...

‣ A thank-you to the Olympic athlete; Um obrigado ao atleta Olímpico

Vasconcelos-Raposo, José
Fonte: Edições Desafio Singular Publicador: Edições Desafio Singular
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: application/pdf
Publicado em 01/10/2012 Português

‣ Relationship between achievement goals, anxiety and self-confidence, and subjective well-being in Brazilian athletes; Relação entre orientações motivacionais, ansiedade e autoconfiança, e bem-estar subjetivo em atletas brasileiros

Fernandes, Marcos Gimenes; Vasconcelos-Raposo, José; Fernandes, Helder Miguel
Fonte: Edições Desafio Singular Publicador: Edições Desafio Singular
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: application/pdf
Publicado em 01/10/2012 Português
The present study aimed to investigate the relationship between achievement goals, anxiety, self-confidence and subjective well-being (positive and negative affect, and satisfaction with life) through path analysis. The sample consisted of 169 Brazilian athletes (140 males and 29 females), aged between 17 and 59 years, of different sports and competitive levels. The questionnaires TEOSQ, CSAI-2, EBES and SWLS were applied the day before the competition, on-site training of athletes. Main results partially demonstrated that anxiety and self-confidence mediated the relationship between motivational orientations and subjective well-being. Based on modification indices of the structural model, regression coefficients were specified between ego orientation and negative affect, and between task orientation and the positive dimensions of well-being (positive affect and satisfaction). Results were discussed taking into account the theoretical and practical implications of these relationships.; O presente estudo pretendeu investigar a relação entre orientações motivacionais, ansiedade e autoconfiança e bem-estar subjetivo (afetos positivos e negativos, e satisfação com vida) através da técnica de análise de caminhos. A amostra foi constituída por 169 atletas brasileiros (140 do sexo masculino e 29 do sexo feminino) com idades compreendidas entre os 17 e os 59 anos...

‣ L-arginine increases endothelial nitric oxide production and reduces blood pressure of rest without changing the exercise pressor response; L-arginina aumenta a produção endotelial de óxido nítrico e reduz a pressão arterial de repouso sem alterar as respostas pressóricas do exercício

Mota de Lima, Janaína; Silva, Alexandre Sérgio; Alves, Naiane Ferraz Bandeira; Porpino, Suênia Karla Pacheco; Monteiro de Almeida, Antônio Eduardo; Lima, Roberto Teixeira
Fonte: Edições Desafio Singular Publicador: Edições Desafio Singular
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: application/pdf
Publicado em 01/10/2012 Português
L-arginine supplementation has been proposed to improve endothelial. The hypothesis that L-arginine also improves post-exercise hypotension (PEH) in hypertensive individuals was tested in this study. Physically active hypertensive women were divided into supplemented (SUP) (n = 12, 50 ± 1.8 years) and placebo (PLA) (n = 14, 51.5 ± 1.6 years) groups performing two walking sessions at moderate intensity with interval of 32 days between sessions. Blood samples were collected and blood pressure (BP) was measured before and after exercise. In the period between sessions, they remained physically active and received daily 6g of L-arginine or placebo. PLA showed no change in serum nitrite/nitrate concentration and blood pressure at rest or in response to exercise. SUP showed increased basal nitrite/nitrate plasma concentration (26.6 ± 2 to 44.6 ± 4µM, p < .05), which was followed by reduction of basal BP (137/86.2 to 125.8/79mmHg, p < .05). The exercise performed before supplementation did not change the serum nitrite/nitrate concentration. After supplementation, the exercise promoted increases in levels from 44.6 ± 4 to 51.8 ± 6µM (p < .05). However, it did not change the PEH. L-arginine supplementation improves the nitrite/nitrate production and decreases the resting BP...

‣ Análise do equilíbrio postural de indivíduos diabéticos por meio de baropodometria; Postural control analysis of diabetic individuals through baropodometry

Nozabieli, Andréa Jeanne Lourenço; Martinelli, Alessandra Rezende; Mantovani, Alessandra Madia; Sgobbi de Faria, Claudia Regina; Ferreira, Dalva Minonroze Albuquerque; Fregonesi, Cristina Elena Prado Teles
Fonte: Edições Desafio Singular Publicador: Edições Desafio Singular
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: application/pdf
Publicado em 01/10/2012 Português
Objetivo deste estudo foi analisar o equilíbrio postural de indivíduos neuropatas diabéticos, por meio de baropodometria, relacionando com prejuízos no sistema sensoriomotor. Vinte e oito pessoas saudáveis e 25 com diagnóstico de neuropatia diabética foram submetidas à avaliação estática (mensuração do deslocamento do centro de pressão corporal) e dinâmica (análise temporal da fase de apoio do ciclo da marcha). A sensibilidade tátil dos pés foi avaliada por meio de monofilamentos Semmes Weinstein e a força muscular isométrica do tornozelo por dinamometria. As análises de multivariânvia (MANOVAs) e de variância (ANOVAs) indicaram desempenho inferior na sensibilidade tátil, na força muscular e no equilíbrio dinâmico, porém não apontou diferença para o equilíbrio estático de neuropatas diabéticos. Com esse estudo por meio da análise de regressão, pode-se inferir que as diferenças do equilíbrio na marcha dos neuropatas podem ser resultantes da insensibilidade tátil e da força muscular.; Objective of this study was to analyze the postural balance of neuropathic diabetic individuals through baropodometry, related to losses in the sensorimotor system. Twenty-eight healthy and 25 diagnosed with diabetic neuropathy were subjected to static evaluation (measurement of displacement of body center of pressure) and dynamic (temporal analysis of the stance phase of gait cycle). The tactile sensitivity of the feet was assessed by Semmes Weinstein monofilaments and isometric muscle strength of ankle dynamometry. Analyses of multivariânvia (MANOVAs) and variance (ANOVAs) indicated lower performance in tactile sensitivity...

‣ Body coordination test for children (KTK): Applications and normative studies; Teste de coordenação corporal para crianças (KTK): Aplicações e estudos normativos

Ribeiro, Alice Sá Carneiro; David, Ana Cristina de; Barbacena, Marcella Manfrin; Rodrigues, Michele Lopes; França, Nanci Maria de
Fonte: Edições Desafio Singular Publicador: Edições Desafio Singular
Tipo: Revisão Formato: application/pdf
Publicado em 01/10/2012 Português
The aims of the present review were: i) to demonstrate the use of the Body Coordination Test for Children (Körperkoordinationstest Für Kinder - KTK) in diverse populations of children, ii) to describe studies that developed reference values for KTK, and iii) to ascertain the existence of reference values of KTK for Brazilian children’s motor coordination. The selection of publications was performed between April and June (2010) and the Pubmed, Lilacs and www.google.com/scholar databases were employed. The results indicated that the KTK is an evaluation instrument for motor coordinative performance appropriate to be applied in different childish populations, such as Down syndrome bearers. Most studies that constructed reference values for their childish population showed lower mean values than those established from the group of German children from whom originated the reference data of KTK. This fact demonstrates the importance of the construction of normative data in different countries in view of diverse biological, social, economical and cultural characteristics to be considered. Finally, it was observed the absence of reference data of KTK for Brazilian children, however, it is undeniable the importance of applying the test to evaluate the global motor coordination of these children.; Os objetivos da presente revisão foram: i) demonstrar a utilização do Teste de Coordenação Corporal para Crianças (Körperkoordinationstest Für Kinder - KTK) em variadas populações infantis; ii) descrever estudos que desenvolveram padrões de referência do KTK; e iii) averiguar a existência de padrões de referência do KTK para a coordenação motora de crianças brasileiras. A seleção das publicações realizou-se entre os meses de abril e junho (2010) e foram utilizadas as bases de dados Pubmed...

‣ Body image dissatisfaction and its relationship with physical activity and nutritional status in university students; Insatisfação com a imagem corporal e relação com o nível de atividade física e estado nutricional em universitários

Ferrari, Elisa Pinheiro; Gordia, Alex Pinheiro; Martins, Cilene Rebolho; Silva, Diego Augusto Santos; Quadros, Teresa Maria Bianchini de; Petroski, Edio Luiz
Fonte: Edições Desafio Singular Publicador: Edições Desafio Singular
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: application/pdf
Publicado em 01/10/2012 Português
The aim of the present study was to evaluate the association of body image dissatisfaction with physical activity level and nutritional status in freshmen from a public Brazilian university. A total of 832 university students (485 men) with a mean age of 20.1 years (standard deviation = 4.6) participated in the study. Self-reported body weight and height were used for the calculation of body mass index. The students responded to the Body Shape Questionnaire and International Physical Activity Questionnaire. Data were analyzed using Fisher’s exact test, considering p < .05. The prevalence of body image dissatisfaction and physical inactivity was 10.1% and 14.5%, respectively. No significant association was observed between body image dissatisfaction and physical activity level. Body image dissatisfaction was associated with nutritional status in both genders (p < .05). University students with excess body weight should be encouraged to pursue a healthier lifestyle in order to promote an adequate nutritional status and also to improve their body image.; O objetivo deste estudo foi verificar a associação da insatisfação com a imagem corporal, com o nível de atividade física e o estado nutricional em universitários recém-ingressos em uma universidade pública brasileira. Participaram do estudo 832 universitários (485 do sexo masculino) com média de 20.1 (desvio padrão = 4.6) anos de idade. A massa corporal e a estatura autorrelatadas foram utilizadas para o cálculo do índice de massa corporal. Os universitários responderam o Body Shape Questionnaire e o International Physical Activity Questionnaire. Utilizou-se o teste exato de Fisher...

‣ Comportamentos de risco à saúde e excesso de peso corporal em escolares de Toledo, Paraná, Brasil; Health-related risk behaviors and overweight in students from Toledo, Paraná, Brazil

Legnani, Elto; Legnani, Rosimeide Francisco Santos; Dellagrana, Rodolfo André; Silva, Michael Pereira da; Barbosa Filho, Valter Cordeiro; Campos, Wagner de
Fonte: Edições Desafio Singular Publicador: Edições Desafio Singular
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: application/pdf
Publicado em 01/10/2012 Português
Este estudo verificou a proporção de adolescentes expostos aos comportamentos de risco à saúde (CRS) e ao excesso de peso corporal (EP), bem como identificou suas associações com a faixa etária e o sexo, em adolescentes de um município brasileiro. Foram avaliados 669 escolares com idades entre 10 e 15 anos. O questionário adaptado do “Global School-Based Student Health Survey” (GSHS) foi utilizado para obter as informações dos CRS e do EP. Utilizou-se a estatística descritiva, qui-quadrado e regressão binária. Foram identificadas elevadas proporções de CRS e EP. Rapazes de 13 a 15 anos tiveram 75% mais chances de passar tempo excessivo em atividades sedentárias e 93% mais chances de consumir bebidas alcoólicas, quando comparados aos rapazes de 10 a 12 anos. As moças mais velhas apresentaram 2.2 vezes mais chances de consumir doces em excesso e 2.57 vezes mais chances de consumir bebidas alcoólicas do que seus pares mais jovens. Entretanto, os rapazes e as moças mais velhos tiveram efeito protetor para o comportamento insuficientemente ativo e o EP, respectivamente. Os principais resultados apontam que ser adolescente de 13 a 15 anos foi fator de risco para as variáveis de tempo sedentário, consumo excessivo de doces e álcool.; This study verified the proportion of adolescents exposed to health-related risk behaviors (HRRB) and excess of body weight (EBW) as well as their associations to age group and gender in adolescents from a Brazilian municipal district. A sample of 669 students aged between 10 and 15 years were evaluated. The adapted questionnaire of Global School-Based Student Health Survey (GSHS) was used to obtain information related to HRRB and EBW. Descriptive statistics...

‣ Anaerobic capacity in soccer players from different competitive levels: Comparison of players in different field positions; Capacidade anaeróbia em futebolistas de diferentes níveis competitivos: Comparação entre diferentes posições de jogo

Moro, Vanderson Luis; Fuke, Kenji; Cancian, Lucas; Matheus, Silvana Corrêa; Moro, Antonio Renato Pereira
Fonte: Edições Desafio Singular Publicador: Edições Desafio Singular
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: application/pdf
Publicado em 01/10/2012 Português
The aim of this study was to compare anaerobic capacity in professional soccer players of different competitive levels in their respective positions in the game, early in the preseason. The study group consisted of 44 male athletes belonging to two groups (A and B) of different competitive levels. Group A was composed of 20 athletes participating in the Sagres League - Portuguese. Group B was composed of 24 athletes participating in the 2nd division Championship Gaucho - Brazil. For the assessment of anaerobic capacity it was applied the Running-based Anaerobic Sprint Test - RAST. For data analysis it was used the Student t test for independent samples and analysis of variance (ANOVA One Way) supplemented with post hoc Tukey. Results showed that group A athletes performed better on the average power and worst values for the fatigue index. In the group A it was found statistical difference between attacks and other two positions (midfielder and side back) for the fatigue index. It is concluded that there was significant differences in anaerobic capacity, measured at the start of the preseason, evaluated soccer players who work in competitions of different levels and positions play (group A).; O objetivo do presente estudo foi comparar a capacidade anaeróbia em jogadores profissionais de futebol de diferentes níveis competitivos e em suas respectivas posições de jogo...

‣ Aspects related to quality of life and physical activity of military police officers of Santa Catarina – Brazil; Aspetos relacionados à qualidade de vida e atividade física de policiais militares de Santa Catarina - Brasil

Schlichting, Antônio Melo; Schlichting, Jader Peron; Gutierres Filho, Paulo José Barbosa; Adami, Fernando; Silva, António
Fonte: Edições Desafio Singular Publicador: Edições Desafio Singular
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: application/pdf
Publicado em 01/10/2012 Português
This study aims to investigate the relationship between quality of life, health, physical activity, occupation, body composition and sociodemographic characteristics of Military Police of Santa Catarina, Brazil. 302 Police Officers participated in this study, randomly selected through a simple drawing and in accordance with the eligibility criteria. Data were collected through two questionnaires from the World Health Organization, one of them concerning quality of life (WHOQOL-Bref), and the other, concerning physical activity (IPAQ-Long), and additionally, a worksheet containing sociodemographic, anthropometric, occupational and health-related variables. It was found that most of the Military Police is married, schooled, with an average of 36.6 years old and 15.1 years of the police action, has good perception for quality of life, has levels of physical activity above the recommended, has weight in the range recommended, and has good health. It can be concluded that there are associations of quality of life with leisure physical activities, height and marital status.; Este estudo teve como objetivo investigar a relação entre qualidade de vida, saúde, atividade física, ocupação, composição corporal e características sócio-demográficas de Policiais Militares do Estado de Santa Catarina...